Saiba como lidar com a bronquite das crianças

Saiba como lidar com a bronquite das crianças

A preocupação dos pais com seus filhos é constante durante todo o ano e durante toda a vida, mesmo depois que os pequenos crescem. Porém quando o frio chega é que algumas doenças começam a se manifestar de forma mais incisiva. Continue a leitura e saiba como lidar com a bronquite das crianças.

Com a chegada do frio, há o aumento da incidência de problemas respiratórios entre as crianças, como a bronquite.

Trata-se de uma das doenças no inverno mais comuns durante a infância.

Por sinal, os males que afetam o sistema respiratório são considerados os principais responsáveis pela busca de atendimento médico emergencial envolvendo essa faixa etária.

Das crianças atendidas em pronto-socorro, cerca de 30 a 50% apresentam esses tipos de sintomas.

A bronquite é uma inflamação dos brônquios. Eles são responsáveis por transportar o ar que respiramos até os pulmões.

Quando há um acúmulo de secreção, há uma inflamação que os contrai e impede a passagem do ar, provocando a tosse.

Isso ocorre em razão de os brônquios pararem de eliminar o muco presente nas vias respiratórias. A tosse é o principal sintoma da bronquite, mas não o único. Veja, logo a seguir, mais alguns sintomas:

  • dificuldade para respirar

  • cansaço

  • coriza

  • náuseas e vômito

  • chiado no peito

O maior risco de desenvolver bronquite está nas crianças filhas de pais fumantes, que têm doenças respiratórias ou cardíacas.

Por isso, recomenda-se que, ao começar a pensar em ter filhos, os pais parem de fumar a fim de prevenir esse tipo de doença nos filhos.

Como lidar com a bronquite das crianças em casa?

Como lidar com a bronquite das crianças em casa

Com o diagnóstico de bronquite é possível tratar o quadro em casa, bastando alguns cuidados específicos.

A criança deve aumentar sua ingestão de líquidos, principalmente água e sucos de frutas cítricas, como laranja e limão, de preferência com pouco açúcar ou sem. A água ajuda a dissolver o catarro e também a equilibrar a temperatura corporal, eliminando toxinas.

Cuide da alimentação de seu pequeno, oferecendo alimentos saudáveis, para que a resistência dele se recupere e ajude a melhorar o quadro de saúde.

Se concentre no controle da febre, utilizando métodos naturais, sem a aplicação de medicamentos, antes da visita ao médico. Banhos em água morna e o uso de roupas mais frescas ajudam no equilíbrio da temperatura corporal e deixa a criança mais bem-disposta, podendo se alimentar melhor e recuperar mais rápido.

Deve-se também estimular o repouso, reduzindo a agitação normal da criança. Estimule que ela leia na cama, assista desenhos e filmes e brinque de forma mais leve para recarregar as energias. Se ele estiver em período letivo, é melhor que fique em casa alguns dias para sua recuperação completa.

Quando seu filho estiver se sentindo melhor, sem febre e com disposição, deixe que brinque ao ar livre, mas longe de ruas e ambientes que produzam muita fumaça. O ar puro ajuda a reforçar as defesas do organismo.

Não deixe de visitar o pediatra para identificar corretamente o quadro de saúde de seu filho, fazer um melhor acompanhamento da bronquite e para indicação de medicamentos e outras ações como o uso de nebulizadores para melhorar a circulação de ar nas vias respiratórias.

Dê preferência ao consultório, onde a circulação de pessoas e outros vírus pode estar menor, em vez de ir ao pronto-socorro, se expondo a outras doenças.

E por falar em consultório, se você precisa agendar uma consulta para o seu filho, entre em contato conosco. Nossa equipe está esperando por você!

60